Category: letra G


Golpe de Estado

Álbuns.

Links nas Imagens.

Golpe de Estado – 1986.

1. Society
2. Pra Conferir
3. Undenground
4. Libertação Feminina
5. Sem Ser Vulgar
6. Olhos de Guerra
7. Aqui na Terra

Forçando a Barra – 1988.

1. Cobra Criada
2. Noite de Balada
3. Parte do Inferno
4. Onde há Fumaça, Há Fogo
5. Sem Elas
6. Moondog
7. Terra de Ninguém
8. Muito Chefe
9. Forçando a Barra

Nem Polícia Nem Bandido – 1989.

1. Na Vida
2. Filho de Deus
3. Velha Mistura
4. Paixão
5. Janis
6. Nem Polícia, Nem Bandido
7. Não é Hora
8. Ignoro
9. As Aparências Enganam

Quarto Golpe – 1991.

1. Dias de Glória
2. Mal Social
3. Caso Sério
4. Não Faz Mal
5. Faço o Que Posso
6. Real Valor
7. Retorno
8. Sanguessugas
9. Ela Foi Feita

Zumbi – 1994.

1. Quantas Vão
2. Zumbi
3. Mal a Pior
4. No Entanto
5. My Generation
6. 35MM
7. Mais ou Menos
8. Olhos Vendados
9. Hino de Duran
10. Sociedade Brasil
11. Gostar de Você
12. Banda de Rock

10 Anos Ao Vivo – 1996.

1. Quantas Vão
2. Zumbi
3. Meddley: Velha Mistura / Underground
4. Moondog
5. Não Faz Mal
6. Olhos de Guerra

7. Caso Sério
8. Sanguessugas
9. Zinner’s Ritual
10. Paixão
11. Noite de Balada
12. Todo Mundo Tem Um Lado Bicho (Gravada em estúdio)
13. Cada Dia Bate De Um Jeito (Gravada em estúdio)

Pra Poder – 2004.

1. Estranho Medo
2. Pra Poder
3. Helena de Tróia
4. Cinza
5. Cactus
6. Navegantes
7. Pra Quando Você Voltar
8. Todo Dia
9. Vagablues
10. Barriga da Mãe
11. Os Mil Sóis

G3

Falar o quê desses caras? Um show com Joe Satriani, Steve Vai e John Petrucci, dividindo o mesmo palco é único. Sem palavras…

Grand Funk Railroad

Aqui deixo uma lista de cds dessa grande banda que foi influência para muitas bandas de hoje. Conhecida como Grand Funk Railroad, foi uma das primeiras banda de rock a alcançar o sucesso na década de 70, onde os fãs vibraram com suas composições,com sua energia ao vivo, e com as batidas de blues rock , oferecida por esta grande banda de Michigan

Grobschnitt Live






Gênero: Hardcore
Ano: 2005
Pais: Brasil

Comentário: Formada em Santos na década de 90, a banda de hardcore Garage Fuzz, é uma das bandas mais influentes do underground brasileiro. O Garage Fuzz ja fez turnês com grandes bandas como Sick Of It All, Fugazi, e Down By Law.
Com influências como Hüsker Du, Down By Law, e the Saints eles fazem um hc mais melódico, no estilo skate. A banda tem 4 discos de estúdio, sendo um deles ao vivo.

Myspace

Tracklist:

01- A Mutt Running Nowhere
02-Post It Reminder
03- Engines & Tools
04- House Rules
05- Too Scared to Try
06- In he Following Years
07- Reactor
08- Buyastyle.com
09- Bus Ride Notes
10-The Morning Walk
11- You Seek Me
12- Ego’s Sake
13- Shadows Are Moving
14- Steadfast
15- A Wonderful Thing to Taste

Rapidshare

Megaupload

Depositfiles

Zshare

Hotfile

Bandas de Garagem

Montagem: Mr Bad Guy

Image and video hosting by TinyPic

Eles começam, geralmente da mesma maneira, numa roda de amigos, onde um toca bateria, outro se arrisca na guitarra e um terceiro é empurrado para o vocal. É aí que começa a batalha de uma banda de garagem, geralmente faltam oportunidades para mostrar o trabalho, eles são independentes e se autodenominam como underground. O começo de uma banda de garagem nem sempre é fácil, o caminho para o “estrelato” é duro, e exige muita dedicação por parte de todos da banda. A falta de tempo para ensaiar e a falta de instrumentos são dois motivos básicos para muitas bandas desistirem no meio do caminho. Mas a paixão da música é maior do que qualquer obstáculo, ser banda de garagem é gratificante em muitos aspectos, por exemplo, ter seus quinze segundos de fama “você não toca pelo dinheiro, você toca porque gosta e pelo que você é. A galera que vai no show, não vai porque é modinha, vai porque gosta…”. E quem pensa que eles, bandas underground, estão sozinhos no mundo está muito enganado.

Image and video hosting by TinyPic

Existem muitos locais que incentivam e abrem espaço para eles mostrarem o seu trabalho, no Rio de Janeiro, o Hard Rock Café e em São Paulo bares como Hangar 110 e Blackmore, são ótimos para a divulgação das bandas que fazem cover ou que tem composições próprias. Além das casas noturnas algumas rádios também investem na idéia. Outro veículo que as bandas podem se apoiar é a Internet, é um excelente meio para divulgar material. A própria banda pode fazer um site, ou podem fazer parte de sites que pode veicular as músicas da banda ou que divulga as bandas, colocando agenda de shows, links para site das bandas, e resenhas de demos. Bom, talvez a maior dúvida de uma pessoa que tem uma banda de garagem seja: o que devo fazer? Primeiro: seja muito persistente, não desista e faça de tudo para te notarem, grave demos, e mande material para gravadora, não deixem de falar que você tem uma banda, você pode estar falando com uma pessoa que trabalhe numa gravadora; e não se esqueça: a batalha talvez seja uma das partes mais gostosas da conquista!

Aqui vai uma coletânea independente (da gravadora Star Music) para você perceber que existem ótimas bandas que ainda não conseguiram o estrelato.

Gold Star Collection

Image and video hosting by TinyPic

01. Anjos Negros – Enjoy My Rock’n Roll
02. Crossfire – Things in my Head
03. Morlocks – Volação
04. Morlocks – Ms. Anderson
05. Vorpal Blade – Nightcap
06. Vorpal Blade – Blind
07. Thanatus – The Truth
08. Thanatus – The Drowned
09. Krepúsculo – One More Time
10. Krepúsculo – Don’t Be Lost on Storm
11. Philadelphia – (S) Cem Motivo (S)
12. Philadelphia – Taste
13. Payee – Reminder
14. Payee – Pushover
15. Nuts – Nuts Meets John Constantine
16. Nuts – Reflexão
17. Ratazana – Mundo de Opressão
18. Ratazana – New Order


Grobschnitt

Grobschnitt foi uma banda do movimento krautrock, que existiu entre 1970 e 1989. Seu estilo evoluiu com passar do tempo, começando com o rock psicodélico no início dos anos 1970, depois transitatando para o rock progressivo sinfônico, NDW, e finalmente, pop-rock em meados da década de 1980. Grobschnitt.

Como era comum com muitas bandas alemãs da época, Grobschnitt cantou em Inglês até o início de 1980, apesar de fazrem tour somenta na Alemanha. A banda acumulou uma base de fãs leais através das suas actuações ao vivo que incluia pirotecnia. Grobschnitt também eram conhecidos por sua resistência em palco, realizando shows com freqüência superior a duas horas.

Era a banda que tocava com o maior equipamento da Alemanha (quase 40 colunas de auto-falantes e muitos amplificadores). O barulho era de assustar. A maioria dos fãs tinha que pôr os dedos nos ouvidos quando a banda começava a tocar, ainda mais porque faziam shows em lugares que só podiam suportar 150 pessoas. Imagine o barulho. Segundo Eroc (um dos integrantes da banda) “Eu não quis matar a audiência com o barulho. Assim dividi o grupo em agosto de 1972.” Desenvolveram os shows na direção do teatro musical que consiste em música e interpretação.

Integrantes

Eroc (Joachim Ehrig) – Bateria
Lupo (Gerd Otto Kühn) – Guitarra
Mist (Volker Kahrs) – Teclados
Willi Wildschwein (Stefan Danielak) – Vocais / Guitarra
Popo (Wolfgang Jäger) – Baixo
Toni Moff Mollo (Rainer Loskand) – Vocais

Discografia
.
Grobschnitt – 1972
.
Ballermann – 1974
.
Jumbo – 1975
.
Rockpommel’s Land – 1977
.
Solar Music Live – 1978
.
Merry-Go-Round – 1979
.
Volle Molle – 1980
.
Illegal – 1981
.
Razzia – 1982
.
Kinder und Narren – 1984
.
Sonnentanz – 1985
.
Fantasten – 1987
.
Die Grobschnitt Story – 1994
.
Die Grobschnitt Story 2 – 1998
.
Last Party Live – 1990



(Studio mp3@192)

01 – Give Me Love [Give Me Peace On Earth] (3:39)
02 – Sue Me, Sue You Blues (5:00)
03 – The Light That Has Lighted The World (3:35)
04 – Don’t Let Me Wait Too Long (3:05)
05 – Who Can See It (3:55)
06 – Living In The Material World (5:34)
07 – The Lord Loves The One [That Loves The Lord] (4:38)
08 – Be Here Now (4:15)
09 – The Day the World Gets ‘Round (2:55)
10 – That Is All (3:41)
11 – Miss O’Dell (2:29)
12 – Try Some Buy Some (4:10)

Download




(Soundboard mp3@192)

01 – The Lamb Lies Down On Broadway (3:32)
02 – Fly On A Windshield (3:10)
03 – Broadway Melody Of 1974 (2:17)
04 – Cuckoo Cocoon (2:23)
05 – In The Cage (8:00)
06 – The Grand Parade Of Lifeless Packaging (3:02)
07 – Back In N.Y.C. (6:03)
08 – Hairless Heart (2:39)
09 – Counting Out Time (4:01)
10 – Carpet Crawlers (5:41)
11 – The Chamber Of 32 Doors (5:40)
12 – Lilywhite Lilith (0:53)
13 – The Waiting Room (8:52)
14 – Anyway (3:49)
15 – Here Comes The Supernatural Anaesthetist (4:09)
16 – The Lamia (7:05)
17 – Silent Sorrow In Empty Boats (3:31)
18 – The Colony Of Slippermen (8:49)
19 – Ravine (1:46)
20 – The Light Dies Down On Broadway (3:39)
21 – Riding The Scree (4:13)
22 – In The Rapids (2:30)
23 – It (4:04)
24 – The Knife (9:24)

Download

Genesis – Wuthering Lights

GENESIS

Wuthering Lights – Live at The Moody Coliseum, University Park, Dallas, Texas, March 19, 1977.

Quando Peter Gabriel deixou o Genesis após a turnê Lamb, no meio dos anos 70, o grupo disse que testou uns 400 vocalistas antes de se decidir por Phil Collins. O primeiro álbum sem Gabriel (A Trick Of The Tail, de 1976), foi um sucesso. Enquanto o ferro ainda estava quente na forja, rapidamente o Genesis gravou e lançou o álbum Wind And Wuthering ( em dezembro de 1976).

CD 1
01. Squonk
02. One For The Vine
03. The story of Harry
04. Robbery, Assault & Battery
05. The story of Myrtle
06. Your Own Special Way
07. Firth Of Fifth
08. Carpet Crawlers
09. …In That Quiet Earth
10. Afterglow

Cd 2
01. I Know What I Like
02. Eleventh Earl Of Mar
03. The Story of Romeo and Juliet
04. Supper’s Ready
05. Dance On A Volcano
06. Drum Duet
07. Los Endos
08. The Lamb Lies Down On Broadway
09. The Musical Box (closing section)

1977 – Wuthering Lights